quem @#$% sou eu…

Com certeza ao chegar aqui você se perguntou, quem !!@#$%@# é esta mina? por que ela esta escrevendo em um blog, sendo que tem tantos por ai? Primeiro não sou uma mina, sou uma tia, tenho idade suficiente pra ser a mãe adolescente de muitos fronts já famosos no mercado.

Segundo, eu também não sei porque !@$#%* to escrevendo aqui. O objetivo deste blog é sair da minha zona de conforto e tentar escrever sobre alguma coisa, nem que sejam algumas viagens na maionese. =P

OK, agora você ficou um pouco interessado em minha vida, então vou contar um pouco sobre mim… “viewer reader discretion is advised”  =P

Andréa Zambrana
Esta sou eu, na minha mesa na Amil

Sou uma estrangeira em meu próprio pais. Nasci em São Bernardo do Campo (em 1979, ja viu porque digo que sou uma tia), mas me criei na Bolívia, voltei em 1997, ou seja minha língua, meus costumes, minha educação é toda boliviana. Meu marido também é boliviano. *__* S2

Sou autodidata. Em 2006 era editora do Uchiha scanlator e ajudei fazendo o site deles (é em tabela feito no modo “design” do dreamweaver shame on me :S). Como sou perfeccionista decidi saber mais sobre como fazer sites e assisti uma vídeo-aula de 3 capítulos, do site Becck , sobre como fazer um site a partir do PSD. Achei o negocio muito loko e decidi que queria trabalhar com isso, então devorei, literalmente, o site do Maujor e o da W3C. Na época estava na moda o XHTML (apesar da possível polêmica, eu ainda prefiro ele). =P

Sou casada desde 1999, com meu namorado da época de escola, mas ainda não temos filhos. Nós dois estamos sempre viajando de moto, indo no cinema, comendo em algum lugar legal, assistindo filme/seriado ou jogando, ele no vídeo-game e eu no PC. 😛

Tenho quatro gatos, Negão, Verde, Barcino e Princesa, e um cachorro, Duke, todos vira-latas e muito amados (sim, eu sou uma velha cheiradora de gatinhos =P).

AMO ler, especialmente livros de literatura fantástica. Meu sonho é ter uma biblioteca com livros (que eu tenha lido, obvio) nas quatro paredes, do chão ate o teto (algo tipo a biblioteca do Dr. Lecter no seriado Hannibal ou a da Fera, no desenho da Disney).

Me divirto horrores codando e, apesar da moda, gosto muito mais de CSS (agora sass) do que de javascript =D. Para mim a semântica, e a acessibilidade, do HTML é mais importante que a preguiça facilidade em aplicar este ou aquele layout, por isso mesmo que amo o CSS, ele me permite fazer o que quiser.

Minha moto
Ah! sim, esta aquí é a Nega, minha motoquinha (a que está atras é a Preta, a moto do maridão).

Devo admitir que antigamente não gostava de javascript, mas tenho aprendido a curtir ele, e posso dizer que hoje gosto dele (quase) tanto quanto de CSS. Claro que, se eu tiver que fazer algo, primeiro vou sofrer fazer com CSS e depois se precisar ou se for pra acrescentar mais experiência, faço com javascript.

Os meninos (meus amigos/colegas front-enders) vivem me botando apelidos como: “Mãe Andréa do CSS”, “semantic queen”, “Capitão Nascimento” (esse foi pura intriga da oposição ¬¬’) e outros nesse naipe, mas nunca pegam, graças a Deus – 😛

É isso ai, outra hora complemento com algo mais que eu lembre. =*